terça-feira, 20 de setembro de 2011

Ramones em São Paulo 11/03/1996

A epopeia começou após a última aula da segunda-feira, em 11 de março de 1996. Saí da escola e fui encontrar alguns amigos do interior na galeria do rock. Eles chegavam de Bernardino de Campos, cidade que fica a 360 Km de SP. Todos vinham para o mesmo motivo, o show do Ramones, da turnê Adios Amigos.


They came up to São Paulo just to see the Ramones. Oh-Yeah!!!

Aquela era a última chance de ver a maior banda de todos os tempos. Alguns amigos não tinham ingressos e, acreditem, ainda tinha disponível. Hoje, seria sold out em poucas horas. Foram três dias de shows em SP. A entrada custava R$ 30,00. Pode parecer muito barato, mas para um adolescente, há 15 anos, não era. 


A ida de ônibus ao Olympia (finada casa de shows da zona oeste de São Paulo) foi bastante tranquila. Chegamos por volta das 16 horas. A fila ainda não estava tão grande. Mais tarde, daria a volta no quarteirão. Por volta das 19 horas, os portões foram abertos.

Conseguimos ficar colados na grade, do lado direito da pista. Em frente à tradicional posição do Dee Dee Ramone, que fora ocupada anos antes pelo C.J. Na medida em que a casa enchia, a galera tentava ocupar nosso espaço. Estávamos em 8 e conseguimos manter a posição estratégica.

Durante o show de abertura, preferia estar longe do palco. A banda, que tomou um banho de cusparadas, era do Supla. Com um som ruim, a plateia não perdoou e o “Hey Ho Let’s Go” cobriu o áudio durante boa parte da apresentação. Em certo momento, o “punk” da família Matarazzo desceu do palco para tirar satisfação com a molecada da grade e quase foi linchado. Quem será que teve ideia doentia de colocar Supla para abrir Ramones??

A impaciência só cessou quando as luzes se apagaram  e “The Good, The Bad and The Ugly” tomou conta do áudio ambiente. Após o primeiro “1,2,3,4” do C.J Ramone, a banda acelerou com “Durango 95”, fazendo da pista um barril de pólvora. Naquele momento, era difícil acreditar que Joey, Johnny, Marky e C.J. estavam tão perto.

O setlist foi muito bom. Quem tinha o “Loco Live" sentiu-se, durante as 12 primeiras músicas, dentro do disco. A sequência foi a mesma. Os clássicos dominaram a lista, com algumas novidades como “Spiderman” e “I don’t wanna grow up”.

Ao final da apresentação, fui para casa exausto, sem voz e com a sensação de ter visto o melhor show da história. Opinião que dura até hoje e creio que nunca mudará.

VEJA UM TRECHO DO SHOW

SETLIST RAMONES 11/03/1996


The Good, The Bad And The Ugly
Durango 95
Teenage Lobotomy
Psycho Therapy
Blitzkrieg Bop
Do You Remember Rock 'N' Roll Radio?
I Believe In Miracles
Gimme Gimme Shock Treatment
Rock 'N' Roll High School
I Wanna Be Sedated
Spiderman
The KKK Took My Baby Away
I Don't Wanna Grow Up
Have You Ever Seen The Rain
Sheena Is A Punk Rocker
Rockaway Beach
Pet Sematary
Main Man
Cretin Family
Do You Wanna Dance?
Somebody Put Something In My Drink
Havana Affair
Wart Hog
Cretin Hop
R.A.M.O.N.E.S.
Today Your Love Tomorrow The World
Pinhead
The Crusher
Poison Heart
Surfin' Bird
My Back Pages
Chinese Rocks
Beat On The Brat
  

13 comentários:

  1. Eu estava nesta Epopéia para ver o melhor show de Rock que até então eu presenciara.
    Caio vida longa aos Reis do Punk Rock!!! Mora

    ResponderExcluir
  2. Quer dizer que eu nasci no ano do ultimo show da minha banda favorita?Holy crap!Deve ter sido mto foda.

    ResponderExcluir
  3. É meu brother estavamos todos juntos neste show mesmo, vir de onibus do interior e curtir o melhor show que fui na vida, e olha que foi o primeiro show internacional e depois fui em tantso outros e até hj não existiu um show tão foda e melhor de todos como este show do Ramones. Parecia que eu estava dentro da fita cassete do Loco Live, inesquecível. Abraços aos bernardinenses.

    ResponderExcluir
  4. Ai cara, como eu queria ter nascido nessa época, em que as bandas cantavam rock de verdade! Putz, hj eu sou fã de RAMONES, e n tive essa oportunidade! QUE SORTE a sua!

    ResponderExcluir
  5. realmente foi o show para não se esquecer nem depois de velho,e contar para os netos eu estava lá ,e com apenas 14 anos, consegui passar batido, naquele show e pude matar a saudade agora em 2013 em americana-s.p com mark ramone e sua banda Blitzkrieg...cantando ramones é claro...

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Show na íntegra!

    https://www.youtube.com/watch?v=Q8e70Yq_2_s

    ResponderExcluir
  8. https://www.youtube.com/watch?v=Q8e70Yq_2_s

    ResponderExcluir